Curcuma fresca/Tumérico (e receita de arroz com curcuma)

Este post não podia começar sem desejar-vos – por aqui – um EXCELENTE 2016! Um novo ano traz sempre mais energia para novos começos, estou muito motivada e entusiasmada com este novo ano, espero que vocês também e que vos consiga transmitir um pouco destas “boas energias” ao longo do ano! Vocês também me vão transmitindo as vossas, através dos vossos comentários e afins, o que é fundamental para também me motivarem quando preciso eheh 🙂 trabalho de equipa!!

 

Adianteeeee…!!

Em Dezembro finalmente visitei o Biomercado pela primeira vez. Já tinha “ouvido” falar imenso em várias publicações nas redes sociais, mas ainda não tinha tido oportunidade de lá ir. Numa rápida visita trouxe apenas 2 produtos que queria experimentar e um que comp€nsava largamente em relação ao que costumava consumir.

Um desses produtos foi a curcuma fresca!

Quando comprei ainda não sabia bem que finalidade lhe daria. É semelhante ao gengibre em termos de aspeto (mas mais fina) e pensei que “no mínimo”, daria para fazer um super chá (leia-se super graças aos seus benefícios que já vos vou contar!). E foi assim que a utilizei das primeiras vezes. 

Ao estilo desta Infusão de gengibre e limão para atacar o início de uma constipaçãofiz um “chá” que partilhei convosco no facebook, com casca de limão (só a parte amarela), uma rodela de gengibre e uma rodela de curcuma. 12316516_445731402291196_1819540544643927777_n

Inevitavelmente assim que utilizam este “super alimento” o que notam LOGO é a cor brutal! A infusão fica com um amarelo mesmo “BAM”! E o mesmo acontece com este fantásticooooooo arroz que queria partilhar hoje convosco. Tenho tanta pena que – em dia de chuva – não tenha conseguido uma fotografia melhor. 

O arroz que ultimamente uso é o Basmati do Lidl – falei-vos dele aqui neste post sobre Alimentos Saudáveis – Onde comprar que por si só já tem um sabor óptimo … mas quando juntamos a curcuma… Meu deus, é tão bom! 

É uma forma super simples e saudável de dar um UP a um acompanhamento “básico” sem acrescentar qualquer tipo de calorias, através de gordura ou hidratos!! 😀 

 

Processed with VSCO with c1 preset

O que faço é simplesmente ralar cerca de 1cm de raiz de curcuma e junto ao arroz, depois de colocado na água a ferver. Tão simples quanto isso! 

 

Mas e então, porque é que a curcuma pode ser considerada um “super alimento”?
Quem me acompanha há algum tempo, sabe que volta e meia partilho convosco informações de um livrinho que o BF me ofereceu num aniversário (em 2013!!) que é o “101 alimentos que podem salvar a sua vida”

A curcuma também é conhecida pelo nome Tumérico (tumeric em inglês) e açafrão da índia. 

  • É muitas vezes usado como tinta amarela para tecidos e quando misturado com sumo de lima transforma-se em titura vermelha que os Budistas e Hindus utilizam para pintar as suas testas (ok, isto para nós não é propriamente relevante, mas achei bem interessante!!)
  • É um “membro da família do gengibre”
  • É o ingrediente responsável pela cor amarela-laranjada do caril e da mostarda
  • supõe-se que seja originário da Índia Ocidental e por lá é usado há mais de 2500 anos
  • Contém importantes vitaminas e minerais, como o ferro, manganésio, potássio, vitamina B6 e vitamina C. A curcumina é um fitoqímico existente no tumérico que tem fortes propriedades antioxidantes e tem sido bem explorada nas suas propriedades de combate ao cancro e anti-inflamatórias.
  • Desde sempre foi utilizado apra aliviar dores menstruais, estados respiratórios, parasitas intestinais, obstruções no fígado, úlceras e inflamações.

Escolham raízes frescas em que consigam notar o aroma da especiaria. Podem conservá-lo no frigorifico até 3 semanas, bem embrulhado e “por descascar”. Vão descascando à medida que utilizam (eu faço o mesmo com o gengibre).

Tenham cuidado para não manchar a roupa (também mancha as mãos, mas não é muito difícil de retirar).

O único senão é que… acho que não é muito fácil de encontrar “fresco”. Eu só consegui encontrar no Biomercado, se já viram em mais sítios partilhem pff, sei que esta sugestão pode não ser acessível a todos!

Se tiverem outras sugestões de utilização partilhem também 😀 

Post’s relacionados:

 

3 thoughts on “Curcuma fresca/Tumérico (e receita de arroz com curcuma)

  1. Olhaaaa, dá para fazer um arroz delicioso, chá lindo (e delicioso também) e AINDA pintar a testa de vermelho?! Preciso disso na minha vida 😀 Só benefícios 😛
    Adoro ver o arroz amarelinho, mas por acaso não costumo fazer! Tenho de procurar a curcuma fresca, obrigada pela dica 😀

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *